CPI da Covid mostra que militarização da Saúde levou Brasil à tragédia de 530 mil mortes

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Construir Resistência recomenda uma leitura atenta:

Por Eduardo Maretti, da RBA

Quando Pazuello assumiu, país registrava 15 mil óbitos pela covid e 230 mil casos. Quando saiu, os infectados eram 12,2 milhões e os mortos, 300 mil

 

Para ler a reportagem selecione o endereço eletrônico e aperte o lado direito do cursor:

https://www.redebrasilatual.com.br/politica/2021/07/militarizacao-saude-tragedia-de-530-mil-mortos/

 

 

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *