Construir Resistência
UNB

Veteranos da UnB revivem em livro histórias dos 60 anos da Universidade

 Por Editora Alameda

 

 

“UNB Anos 70 Memória do Movimento Estudantil” terá três lançamentos neste ano em que a Universidade de Brasília sedia pela quarta vez uma das 74 reuniões anuais da SBPC (Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência), de 24 a 30 de julho.

O primeiro lançamento acontecerá na UnB-SBPC, dia 26 (terça-feira, a partir das 18h00, no Anfiteatro 9, no Minhocão), com debate dividido em duas partes. Uma com ex-estudantes da Geração 70 que se dedicaram à atividade parlamentar e outro com o Conselho Editorial.

O segundo lançamento acontecerá no Cine Brasília, na quarta-feira, 27 de julho, a partir das 18h00, com exposição, mostra de filmes e debate sobre “a UnB no Cinema” (com Vladimir Carvalho, Fernando Duarte, Maria Coeli Vasconcelos, Dácia Ibiapina, Maria Maia, Jimi Figueiredo, Marcos Mendes, Hélio Doyle, Lino Meireles, Antônio de Pádua Rangel, Caetano Cúri e o diretor da TV UnB, Rafael Vilas Boas).

O terceiro lançamento se dará no Beirute, o bar mais estimado e tradicional da cidade, e terá caráter festivo e celebratório. Início às 18h00.

Em todos os lançamentos haverá vendas (e autógrafos dos 40 autores) deste livro-coletivo, publicado pela Alameda Editorial (470 páginas, com mais de 70 fotos e colagens). Capa com foto de Kim-Ir-Sen Pires Leal, design de Fernando Travassos Falcoski. Apresentação de Renato Janine Ribeiro, professor de Ética da USP e presidente da SBPC. “Orelhas” assinadas pelo professor-e mérito da UnB e cineasta Vladimir Carvalho.

“UnB Anos 70 Memória do Movimento Estudantil” tem organização de Maria do Rosário Caetano, com colaboração plena de Tereza Cruvinel, Carlos Megale, Davi Emerich, José Umberto de Almeida, Flávio Alberto Botelho, William Devoti, Luiz Antônio Nigro Falcoski, Walter Peninha e Marco Antônio Ribeiro Vieira Lima.

Meio século depois, estudantes
da UnB contam em livro como
lutaram pelas liberdades

Quase 50 anos depois, meio século, um grupo grande de ex-estudantes da UnB resolveu se reencontrar para lançar um livro sobre o movimento estudantil da década de 70, quando o então vice e depois reitor José Carlos Azevedo mantinha forte controle sobre a Universidade, resultando na expulsão, suspensão, prisão e jubilamento de centenas de alunos.

“UnB Anos 70 Memória do Movimento Estudantil”, com quase 500 páginas de texto e fotos, reúne depoimentos de líderes estudantis que desenvolveram atividades políticas de resistência à ditadura e a favor das liberdades democráticas, de 1970 até início de 1980. O foco principal das abordagens, entretanto, são os anos de 1975, 76 e 77, quando uma greve pela derrubada de Azevedo paralisou a universidade por aproximadamente um ano.

“Estamos resgatando a história do movimento estudantil da UnB dos anos 70, muito rica mas pouco abordada por estudos e depoimentos de seus verdadeiros protagonistas”, registra a coordenadora do livro, a jornalista e crítica de cinema, Maria do Rosário Caetano.

A geração dos 70 na UnB desempenhou papel importante no processo de superação do regime militar e na redemocratização do país. Das assembléias e dos corredores do Minhocão, desse imenso grupo de estudantes, sairam profissionais de reconhecimento público em diversas áreas, parlamentares, ministros, secretários de estado, músicos e artistas plásticos.

Segundo Maria do Rosário Caetano, a geração 70 da UnB é a prova maior de que a universidade pública forma ao mesmo tempo grandes profissionais e cidadãos comprometidos com a justiça social, as liberdades e o desenvolvimento nacional.

O lançamento do livro ocorrerá semana que vem, em Brasília, durante a reunião anual da SBPC (Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência), em três eventos distintos, sempre a partir das 18h00: dia 26, terça-feira, na UnB, com debate no Anfiteatro 9; dia 27, quarta-feira, no Cine Brasília, acompanhado de exibição de filmes e debates com cineastas que tiveram a UnB como tema; e dia 28, quinta-feira, no restaurante Beirute, 109 Sul, quando haverá confraternização entre ex-amigos que não se veem há décadas.

 

 O livro pode ser adquirido no link abaixo

https://www.alamedaeditorial.com.br/unb-anos-70-memorias-do-movimento-estudantil-de-maria-do-rosario-caetano

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email

Matérias Relacionadas

Rolar para cima