Torcedores realizam atos contra a Copa da Morte

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Por Luiz Henrique Arias

A Copa América estava marcada para acontecer esse mês, sendo sediada na Colômbia e na Argentina, entretanto, ambos os países recuaram da realização do evento por conta dos protestos e agitações sociais que sacudiram o primeiro, e por conta da alta de casos e óbitos de covid, pela qual passam os argentinos. A saída da Conmebol, CBF, junto ao governo genocida foi trazer a competição para o nosso país, o qual está registrando em média quase 2.000 óbitos por dia.A crise é tamanha que governadores, como os dos estados de Pernambuco, Rio Grande do Norte, Bahia e São Paulo rejeitaram no início da semana receber o evento, e mesmo os organizadores encontrando novas sedes, o problema vem agora de outra frente: dos próprios jogadores. Segundo a imprensa esportiva nacional, os atletas brasileiros e a comissão técnica estão contra a disputa dos jogos no país. Em âmbito internacional, jogadores do uruguaios como Suarez e Arrascaeta estão contra a realização do torneio, assim como a própria seleção chilena já colocou em dúvidas a sua participação.

Os únicos que irão perder serão os cartolas da Conmebol que deixarão de ganhar milhões de dólares, caso o seu torneio caça-níquel não seja realizado. O lucro de dirigentes e de uma entidade não pode estar acima da vida e da saúde do povo brasileiro e sul-americano.

Vale ressaltar ainda, que a Copa América é uma competição disputada tradicionalmente a cada 4 anos, e que foi jogada no ano de 2019. O campeonato desse ano, caso não ocorra, não trará nenhum prejuízo desportivo para qualquer seleção. Os únicos que irão perder serão os cartolas da Conmebol que deixarão de ganhar milhões de dólares, caso o seu torneio caça-níquel não seja realizado. O lucro de dirigentes e de uma entidade não pode estar acima da vida e da saúde do povo brasileiro e sul-americano.

Os atos de hoje, convocados pelas torcidas e torcedores antifascistas são de fundamental importância para mostrar o descontentamento do povo brasileiro contra essa verdadeira Copa da Morte e para denunciar o projeto genocida de Jair Bolsonaro, e seus sócios: Conmebol e CBF.

Em um país, onde quase 500.000 famílias choram a perda de seus entes queridos, e na iminência de uma piora da situação epidêmica no país, não é hora de se jogar a Copa América, não é momento do Brasil realizar aglomerações e ser um vetor de importação e exportação de novas variantes.

Estamos contra a Copa da Morte!

#ForaBolsonaro

Luiz Henrique Arias é Militante da Resistência/PSOL

 

MANIFESTO DA FRENTE NACIONAL PELO FUTEBOL POPULAR CONTRA A COPA DA MORTE

Após uma longa demora para responder à fabricantes de vacinas, e ainda recusar 11 vezes a oferta de compra, o governo Brasileiro, com muita rapidez, aceitou o convite lunático da CONMEBOL para sediar a Copa América 2021, já rejeitada em outros países irmãos.

E isso num momento em que o país se aproxima dos 500 mil mortos pela pandemia, em meio a nova onda de contágios e com recorde de desemprego.

Estivemos contra a volta do futebol no país, enquanto defendemos os profissionais na linha de frente do combate a pademia e o SUS.
Voltaremos aos estádios para dizer não a esta Copa da Morte.

Durante toda a pandemia as torcidas organizadas no Brasil, constantemente perseguidas pelo poder público e pela elitização do futebol por parte da CBF e e CONMEBOL, estiveram presentes nas periferias do país inteiro dando aula de solidariedade.

Convidamos as torcidas e coletivos ligados ao futebol para que tomemos a frente dos estádios no dia 13/06, dia da abertura da “Cepa América” para protestar contra mais esse desrespeito brutal aos familiares e vítimas da Covid-19.

Contra a Copa da Morte e a elitização do futebol, VIDA LONGA ÀS TORCIDAS!

FRENTE NACIONAL PELO FUTEBOL POPULAR.

 

Veja também

Vim das selvas

Por Adriana do Amaral Quando o presidente da Argentina, Alberto Fernández, disse que “os brasileiros vieram da selva”, muita gente se revoltou

#19J

São inúmeras as razões de ir às ruas, hoje. #Comidanoprato #Vacinanobraço #Forabolsonaros #Vidasimportam  

Criptomoedas e suicídio

Por Ari Meneghini Ocorreu há dois dias mais um suicídio de um jovem que tentou ficar rico rapidamente com as criptomoedas. Perdeu,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *