Construir Resistência

PT oferece vice de Haddad para PSB desistir da candidatura de França

 

Por Edoardo Ghirotto do portal Metrópoles

Articulação contemplaria Márcio França com uma vaga ao Senado na chapa que seria encabeçada pelo petista Fernando Haddad em São Paulo

 

A direção do PT em São Paulo ofereceu ao PSB a vice na chapa de Fernando Haddad para tentar convencer Márcio França a desistir da candidatura ao governo estadual. O acordo permitiria que França disputasse o Senado.

A ideia de colocar o PSB na vice de Haddad partiu do presidente estadual do PT, Luiz Marinho. O petista conversou com Haddad sobre o assunto e sugeriu o nome de Jonas Donizette, ex-prefeito de Campinas, para ocupar o posto.

O entendimento é de que Haddad precisa arrumar um vice que seja do interior de São Paulo e que esteja posicionado mais ao centro no espectro ideológico. Além de ter comandado a terceira maior cidade do estado por dois mandatos, Donizette foi presidente da Frente Nacional dos Prefeitos por quatro anos.

Marinho e Haddad se reuniram com Donizette para tratar do assunto. O ex-prefeito é presidente estadual do PSB e pré-candidato à Câmara dos Deputados. Segundo relatos de petistas, Donizette disse que pensaria na proposta se o acordo com França e com as direções nacionais dos partidos avançasse.

As conversas ocorreram antes da reunião que Lula teve com França nesta terça-feira (22/2), na sede do Instituto Lula. O encontro serviu para França expor ao ex-presidente por que deveria ser o candidato da esquerda em São Paulo, mas Lula disse a ele que não se colocará contra o projeto de Haddad. A situação segue indefinida no estado.

 

Haddad

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email

Matérias Relacionadas

Rolar para cima