Construir Resistência
FB_IMG_1686501055716

Oslo, o lugar mais caro que já visitei na vida

Por Eliza Schinner (texto e fotos)

Oslo, capital da Noruega. O lugar mais caro que já visitei na vida. Uma cerveja custa 12 euros em qualquer bar (70 reais). Ou seja, basicamente nem bebi nos 3 dias em que fiquei lá. 😅

A exemplo da Suécia, na Noruega tb é proibido consumir bebida alcoólica na rua. Ou seja, vc não consegue economizar, levando uma cervejinha na mochila pra beira do rio. É obrigado a gastar uma fortuna se quiser tomar uma cerva. Isso me faz odiar os países da Escandinávia, com exceção da Dinamarca, onde todo mundo é livre pra fazer o que quiser e bem entender.

O mais engraçado é que não tá no gibi a quantidade de seringa usada no chão, pois a cidade libera a heroína para os viciados. Olha como esses países têm problema na cabeça: proibem os jovens de tomar uma birita na rua, inclusive proibem os mercados de vender cerveja… mas liberam a heroína gratuita aos viciados, para que eles não precisem roubar para se drogar. Vi pelo menos 3 pessoas injetando, enquanto eu caminhava pela cidade. Heroína pode, cervejinha não.

No mais, a cidade é linda, mas só dá pra curtir se vc realmente for rico. Deixando bem claro que não sou rica, e estava em Oslo a trabalho (sou musicista, e vcs conferem meus trampos musicais no meu perfil pessoal @elizaschinner).

Mais uma cidade que só volto se for a trabalho. By the way, tive a oportunidade de ficar no hotel @radissonbluosloplaza, onde encontrei a academia mais linda que já fui na vida, toda de vidro, no topo do 36o andar do hotel, com uma vista 360 de Oslo.

Eliza Schinner é baixista

 

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email

Matérias Relacionadas

Rolar para cima