Construir Resistência

Jornalismo Wando – Os personagens bizarros que explicam a nova política

Construir Resistência indica a leitura do livro Jornalismo Wando, de autoria do jornalista João Filho, do #InterceptBrasil. Em pré-venda pelo portal (link abaixo)

Fonte: Intercept Brasil

Depois de mais de 200 artigos publicados no site do Intercept Brasil, o Jornalismo Wando (ou João Filho) lança em livro uma seleção com o perfil de figuras obscuras criadas pelo reacionarismo brasileiro nos últimos cinco anos. Começando com Eduardo Cunha, uma velha raposa da política, passando por Ney Santos, Joice Hasselmann, Luis Miranda, Sergio Moro, Carla Zambelli, Samy Dana, Loester Trutis, entre muitos outros, culminando em dois artigos inéditos: sobre o jornalista Alexandre Garcia, o lambe-botas de militares, e Oswaldo Eustáquio, o jornalista mitômano escalado para atacar os opositores do bolsonarismo.

Como aponta Xico Sá, parece que estes personagens bizarros vagavam por aí à procura de um autor como João Filho para dar conta dessa turma que tem um pé no fascismo.

Adquira o livro e ajude o Intercept Brasil a continuar o seu jornalismo combativo.

 

Leia um trecho:

Comentar o avanço reacionário no país sem dedicar espaço aos seus personagens, de maior ou menor grandeza, é como servir um bolo de festa sem cobertura. Pode até ser bom, mas não faz jus à ocasião. É um erro. Quer um exemplo?
No início da década passada, um personagem foi subestimado e ignorado por boa parte das esquerdas, tratado como
louco por seus opositores. Sua filosofia extremista fincou raízes entre antipetistas, lavajatistas, bolsonaristas, intervencionistas… Até que, após a vitória de Jair Bolsonaro em 2018, o povo tomou conhecimento da influência de Olavo de Carvalho e do seu projeto de poder — espalhado em toda a estrutura pública através de pupilos ocupando cargos estratégicos. Muitos foram pegos de surpresa. Poucos entre os leitores de João Filho, que vem nos alertando desde o início.
Para mergulhar no mundo ‘reaça-extremista’ é preciso ter estômago. É uma tarefa árdua. E reapresentá-lo ao público
de forma palatável também demanda esforço. Algo que João tira de letra em seus textos nas redes sociais e nos artigos em veículos de comunicação, conseguindo costurar como poucos o contexto político do país: o trágico, o cômico, o rocambolesco e o absurdo por trás desses personagens. E sempre com relevância.
Na tragédia movida, em boa parte, pelas redes sociais e por projetos de poder cada vez mais personalistas (dos ‘superjuízes’, malvados favoritos e mitos)…

Continua em…

https://jornalismowando.com.br/wp-content/uploads/2021/10/JornalismoWando_Preview.pdf

Ficha Técnica:

Coordenação editorial: Vitor Castro

Edição: Silvia Lisboa

Ilustração de capa: João Montanaro

Páginas: 184

Preço: R$ 58,00

Compre o livro acessando o site (basta selecionar o endereço eletrônico e apertar o botão do lado direito do cursor para ser redirecionado):

https://jornalismowando.com.br/

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email

Matérias Relacionadas

Rolar para cima