Construir Resistência
FB_IMG_1620910897831

Assista ao Festival Estação Virtual de Cinema

Por Arthur Bandeira

Para quem é de São Paulo e não participa do movimento cinematográfico, talvez nunca tenha ouvido falar de Cavi Borges, o maior fenômeno do cinema nacional no momento.
Cavi, ex-judoca, não pode ir a uma olimpíada por ter se contundido e sem querer entrou para o cinema.  Abriu uma video locadora, a Cavideo. A Cavideo (que é nome da produtora de cinema também) se transformou numa referência de filmes cults no Rio de Janeiro, em Humaitá.
Na sequência (pra usar um termo do cinema) com a participação do público seleto que frequentava a locadora, começou produzir e dirigir filmes. Hoje tem mais de 50 filmes entre curtas e longas metragens. Cavi também é importante no resgate de cineastas brasileiros, produziu o último filme de Sérgio Ricardo, e apoiou também Luiz Rosenberg, Neville de Almeida, Julio Calasso e Luis Carlos Lacerda, entre outros.
Com 42 anos, Cavi teve covid-19, foi entubado e está em recuperação, mas como ele tem dificuldade em ficar parado, é um dos organizadores de uma grande mostra de cinema, que vai até 31 de maio – Festival Estação Virtual
Deixo aqui o link de um curta metragem Amnestia e a partir deste link é possível assistir a muitos outros filmes da mostra.  Fique de olho.

Arthur Bandeira é jornalista, cineasta e diretor da TV Assim de São Paulo

https://vimeo.com/528033232?fbclid=IwAR3DraRBE0-Akg_gf_T2TBo83NPwnh4d3E0PEVBfAZf8L4phZ3fJ1UsanFo

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email

Matérias Relacionadas

Rolar para cima