Construir Resistência
Screenshot_20230601-191635~2

A poesia do José Alfredo no livro “Entre a Babitonga e o Capibaribe”

Do autor
José Alfredo Santos Abrão está publicando seu décimo primeiro livro, o quinto em poesia: Entre a Babitonga e o Capibaribe. São treze poemas escritos ao longo dos últimos anos, a partir de impressões de certas paragens costeiras, sobretudo em Santa Catarina (com a Baía da Babitonga) e Pernambuco (com o Estuário do Capibaribe).
Entre esses lugares, o autor também registra paragens urbanas e até cenários rurais, anotando visões pessoais sobre ‘transes’ sociais e ambientais.
O livro é uma publicação da Editora Letradágua, de Joinville, e tem posfácio assinado por seu editor – o escritor e jornalista Joel Gehlen.
Quem comprar um exemplar de Entre a Babitonga e o Capibaribe vai ganhar outro volume de poemas do autor: a segunda edição de Dias com Nuvens, publicado originalmente em 1999.
Esse livro traz dois posfácios, póstumos e inéditos – um do poeta e editor Cleber Teixeira, outro do artista e crítico de arte João Otávio Neves Filho, o Janga. Ambos foram personagens importantes na cena cultural catarinense.
Serviço
Lançamento em São Paulo 
Local – Dona Teresa  (Rua Fernando de Albuquerque, 57 – Baixo Augusta)
Quando –  dia 6 de junho (terça-feira)
Horário – 20 horas
CONTATO  – (81) 99191 9908
LIVRO (inédito)
ENTRE A BABITONGA E O CAPIBARIBE
GÊNERO  .  .  .  .  .  .  .   POESIA
EDITORA .  .  .  .  .  .  . LETRADÁGUA
ISBN  .  .  .  .  .  .  .  .  . 978-65-00-55907-1
FORMATO .  .  .  .  .  . 14×20 cm/ 100 pg
PREÇO .  .  .  .  .  .  .  . R$ 50,00
LIVRO 2 (2ª edição)
DIAS COM NUVENS
GÊNERO  .  .  .  .  .  .  . POESIA
EDITORA .  .  .  .  .  .  .  AUTOPUBLICAÇÃO
ISBN  .  .  .  .  .  .  .  .  . 978-65-00-46942-4
FORMATO .  .  .  .  .  .   12×20 cm/ 64 pg
PREÇO .  .  .  .  .  .  .  .  (INCLUSO)
Sobre o autor
Paulistano, nascido em 1958, José Alfredo Santos Abrão é artista visual, escritor, redator e roteirista. Viveu por duas décadas em Florianópolis. Vive no Recife desde 2012, atuando entre arte, literatura e comunicação.
José Alfredo foi finalista do Prêmio Pernambuco de Literatura, com Cronomáticas e outros contos (Fundarpe, 2015). Recebeu dois prêmios de incentivo: ‘100 anos da Semana de Arte Moderna’, com Andares entre dois Andrades (MinC, 2018) e ‘200 anos da Independência’, com Ave Nossa Senhora da Independência (SeC, 2019). Recebeu ainda o Prêmio Funarte de Dramaturgia, pela peça inédita Pajelança (Funarte, 2021).
OBRAS EM POESIA 
Pegadas de palavras (autopublicação, Florianópolis, 1991)
Dias com nuvens (autopublicação, Florianópolis, 1999)
Três poemas esparsos em tercetos imperfeitos (Semprelo, Florianópolis, 2019)
Ave Nossa Senhora da Independência (Kotter, Curitiba, 2021)
OBRAS EM PROSA: 
Outro norte profundo (Barabô, Salvador, 2012)
Cronomáticas e outros contos (Cepe, Recife, 2016)
Sete relatos enredados na cidade do Recife (Laranja Original, São Paulo, 2019)
Procurando Pessoa (Kotter, Curitiba, 2020)
Dois andantes e um satélite (Cepe, Recife, 2020/21)
Andares entre dois Andrades (autopublicação, Recife, 2021)

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email

Matérias Relacionadas

Rolar para cima