Construir Resistência
Tabela guto

O resultado do 1º turno não foi tão ruim

Por José Augusto Camargo  (Guto)

Algumas questões: As abstenções (percentualmente) não se alteraram praticamente, o que quer dizer que não houve aumento no número de pessoas que se deslocaram para votar, no entanto quando na urna eles escolheram um candidato como demonstra a diminuição percentual de brancos e nulos (principalmente)
Se a campanha para vir votar não foi muito eficiente a do voto válido pode ter funcionado, mas parece que beneficiou a direita
Se Lula ficou mais ou menos dentro da margem de erro das pesquisa (de 50% para 48%), A Tebet caiu de 6 para 4 (é bastante mas também não fugiu muito da margem) o Ciro caiu de 6 para 3, diminuindo pela metade sua votação, podemos pensar que estes votos foram em sua maioria para o Bozo e não para o Lula.
Outra coisa; Bozo diminuiu percentualmente sua votação e o PT cresceu muito (efeito Lula), a pergunta importante: qual a margem de crescimento da votação popular que restou para a direita que, ao que parece, “raspou o tacho”. Os próximos movimentos políticos responderão esta pergunta.

 

José Augusto Camargo (Guto) é jornalista e bacharel em Sociologia e Política. Foi presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo.

 

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email

Matérias Relacionadas

Rolar para cima